3 de fev de 2010

Telebrás deve ser o eixo do Plano Nacional de Banda Larga



O presidente Lula deve decidir ainda em fevereiro o Plano Nacional de Banda Larga e a Telebrás deve ser o braço do Executivo na iniciativa, afirmou nesta terça-feira o secretário de Logística e Tecnologia da Informação do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, Rogério Santanna, segundo a agência Reuters.

O governo brasileiro vem promovendo um grande debate sobre o Plano Nacional de Banda Larga, e hoje reuniu-se com representantes da sociedade civil, como membros do Comitê Gestor da Internet Brasil, da Associação Nacional para Inclusão Digital (Anid), coordenadores de projetos de cidades digitais, pesquisadores de universidades, entre outros.

O programa tem o objetivo de universalizar o acesso à Internet no país.

"Acho que tem grandes chances de a Telebrás ser a empresa pública", disse Santanna a jornalistas após sair de uma reunião com Lula e representantes do setor.

Segundo ele, o presidente ainda não "bateu o martelo" sobre nenhuma das ações em debate.

"Só se mostrou (na reunião) as macrolinhas e o presidente falou que decide ainda esse mês", disse ele, recusando-se a detalhar as propostas discutidas.

Ele comentou que haverá uma nova reunião sobre o tema no próximo dia 10.

Por Zé Augusto - Os amigos do Lula - 02.01.10

Nenhum comentário:

Postar um comentário