20 de fev de 2011

Além do Aécio, alguém mais acredita que o PSDB é um partido social-democrata?

Aécio treinando para ser mais social-democrata do que o Serra

O Aécio começa a demonstrar que é bom de factóide. Talvez melhor do que o Serra.
Agora a conversa dele é dizer que o PSDB tem que se aproximar dos sindicatos (clique aqui).
Será uma crítica ao Serra, que tem horror a sindicato e a trabalhador?
Pois bem, o Aécio reconhece que o PSDB não tem base alguma no movimento social, com o que eu concordo.
Por base ele entende cooptação, embora diga que o PT é quem faz isso.
Ele esquece que o PT nasceu na época da ditadura, com uma forte base sindicalista e do movimento social. Não tem essa de cooptação.
Aliás, nem o Serra nem o Aécio dialogam com os movimentos sociais. Ou cooptam ou mandam a polícia bater.
Mas o melhor vem no final da matéria, quando ele diz o seguinte:
“Não podemos deixar como única alternativa para essas forças se aliar ao PT”, disse Aécio à Folha. Ele argumenta que “não existe partido social-democrata no mundo sem uma seção sindical“.
Vejam só, o Aécio acredita que o PSDB é um partido social-democrata, embora não tenha sido convidado para o encontro da Internacional Socialista recentemente.
Será que, além do Aécio, alguém mais acredita nisso?
Em tempo, o que significa “partido com seção sindical“?

Por Augusto Fonseca - Festival de Besteiras da Imprensa (FBI) - 20.02.2011

Nenhum comentário:

Postar um comentário