21 de dez de 2014

MILHARES DE PESSOAS SAEM ÀS RUAS DE MAIS DE 30 CIDADES CONTRA LEI DA MORDAÇA NA ESPANHA

Lei proposta por governo de Mariano Rajoy proíbe manifestação e impõe censura à imprensa

Milhares de espanhóis saíram às ruas de mais de 30 cidades do país neste sábado (20/12) contra a chamada “Lei da Mordaça”, que impede manifestações, impõe censura e fecha o cerco contra imigrantes.

Manifestação em Madri pede manutenção das garantias democráticas na Espanha
Os protestos, que puderam ser realizados após a obtenção de liminar na Justiça, tiveram força, em especial, na capital Madri e em Barcelona.


Um dos organizadores da manifestação na Catalunha, o advogado Andrés García Berrio discursou contra diversos aspectos da lei aprovada pelo governo de Mariano Rajoy (PP), principalmente a proibição de fazer gravações das ações policiais. Para Berrio, esse tipo de gravação é “imprescindível” para muitas investigações penais.

Mais de 80 movimentos sociais fizeram a convocatória para hoje. Para eles, ao menos 15 das 46 medidas propostas são contrárias à liberdade de expressão na Espanha.

A nova legislação, que está prevista para entrar em vigor em 2015, prevê, por exemplo, multa de 30 mil a 600 mil euros para manifestações convocadas sem o consentimento governista.

Telesur/reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário