12 de jul de 2009

LOUSA DIGITAL APOSENTA GIZ E QUADRO-NEGRO EM ESCOLAS DE SP

Rose Mary de Souza

A partir deste segundo semestre, 150 professores de Hortolândia, interior de São Paulo, irão aposentar o giz e assumir a lousa digital como um novo equipamento de trabalho. Em vez do popular quadro negro, cerca de 6 mil alunos irão encontrar na sala de aula uma enorme tela sensivel ao toque.

Professores das disciplinas de português e matemática estão sendo treinados para usar a nova tecnologia, que será implementada em 26 escolas da cidade, em 150 turmas das 5ª séries do ensino fundamental e do 1º ano do ensino médio. Além das lousas digitais, as escolas receberão também um software com conteúdo educacional elaborado pela Universidade de São Paulo (USP).

Com a ponta dos dedos
Com o toque dos dedos, na lousa digital, é possível acessar a internet, abrir arquivos, fazer buscas, arrastar figuras, recortar, colar e até programar a gravação de conteúdos de programas.

"É possivel organizar reuniões e trabalhos de alunos, programar revisões, gravar apresentações de trabalhos individuais ou em grupo. Há uma infinidade de recursos que o professor pode aplicar", comenta a pedagoga Adriana Martins, da empresa Smart Board, responsável pela instalação do sistema.

Com uma 'caneta' - nas cores azul, preta, vermelha - o professor pode escrever, destacar, sublinhar, desenhar. Outro recurso permite gravar a voz do professor e e imagens, que poderão ser reproduzidas posteriormente.

Fascínio
"A novidade vai pegar os alunos", diz o professor Kazuji Yamamoto, que há 17 anos leciona matemática. Para ele, a informática já causa um certo fascínio nesta geração de jovens, por isso, aulas que utilizem esses recursos vão ajudar ainda mais a prender a atenção da classe, inclusive para disciplinas consideradas "chatas", como a matemática.

"Acho até que vamos poder recuperar aquele costume de antigamente em que o aluno estudava em casa, reunia a familia, os pais - uma coisa meio distante hoje", disse Yamamoto, um dos profissionais que estão sendo capacitados para usar a nova ferramenta.

A introdução da lousa digital nas escolas de Hortolândia é uma parceria entre a Secretaria de Estado de Educação do Estado de São Paulo e a Dell.

Nenhum comentário:

Postar um comentário