30 de abr de 2010

Ciclo Orson Welles no Cine Clube MuBE

Catraca Livre - 29/04/10

divulgaçãoCidadão Kane

Cidadão Kane

“Cidadão Kane” (1941) é o filme que estreia o “Ciclo Orson Welles”, nu Museu da Casa Brasileira neste 1º de maio, a partir das 19h.

Considerado uma das obras primas do cineasta, a trama retrata a vida de um magnata da imprensa.

O Cine Clube MuBE é gratuito e ocorre sempre aos sábados, com entrada Catraca Livre.

No mesmo dia, às 21h, o público confere “Este é Orson Welles”, documentários dirigidos pelo norte-americano que relatam situações em Madri, Londres e Paris.

No sábado, 08/05, serão três atrações: “Otelo”, “F for Fake – Verdades e Mentiras” e “Mr. Arkadin”. Já no dia 29 de maio, os filmes “Estranha Compulsão” e “O Processo” mostram um pouco mais da arte e do talento de Welles, seja dirigindo ou atuando.

Sobre Welles

George Orson Welles conseguiu inspirar um grande número de admiradores a se tornar diretores de cinema. Aos 18 anos, ele já era um ator famoso no teatro experimental. Um ano depois, fez sua estréia na Broadway, na montagem de “Romeu e Julieta”. Logo se tornou amigo do diretor e produtor John Houseman, para quem fez algumas colaborações.

Em 1970, ele recebeu um Oscar honorário pelo conjunto da obra. Sua filmografia, como diretor ou ator, inclui: “Cidadão Kane” (1941), ´´A Dama de Shangai´´ (1948), ´´Macbeth´´ (1948), ´´ Otelo´´ (1952), ´´A Marca da Maldade´´ (1958), “F for Fake – Verdades e Mentiras” (1973), “Verdades e Mentiras” (1974).

Programação do dia 01/05

19h
Cidadão Kane (Citizen Kane)
EUA (1941)
PB. Duração 119′. Legenda em Português.12 anos. Direção: Orson Welles

Welles revolucionou as técnicas de filmagem com recursos até então inexplorados como profundidade de campo, ação entrecortada num mesmo ambiente, planos longos, flashbacks, movimentos de câmera e edição rápida, além de utilizar uma narrativa não linear.

21h
“Este é Orson Welles” (Orson Welles and People)
EUA (1958)
Documentário. PB. Duração 139′. Legenda em Português. 12 anos. Direção: Orson Welles

Orson Welles dirigiu esta série de documentários para a televisão em 1955. Em Paris, Welles apresentou os célebres artistas Juliette Gréco e Jean Cocteau, que viviam em ‘St. Germain ês Pres’. Em Londres, conhecemos ‘Chelsea Pensioners’; na Espanha, assistimos ‘As touradas de Madrid’ e visitamos o país Basco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário