17 de out de 2009

É uma tarefa desumana", afirma diretora

COLABORAÇÃO PARA A FOLHA 17-10-09

Dar aula simultaneamente para 35 crianças é uma "tarefa desumana", diz a diretora de uma escola de ensino infantil na zona leste de SP. De acordo com ela, que pede que não seja identificada, a maior parte das escolas da região tem 35 alunos por classe.

Com só um professor por classe, atividades corriqueiras como uma ida ao banheiro podem se tornar desafiantes. Por isso mesmo, diz ela, é comum que as crianças pensem que é preciso usar força física para se destacar e chamar a atenção do professor.

De acordo com a professora da Faculdade de Educação da PUC-SP Neide Barbosa Saisi, nos anos de educação infantil o aluno começa a desenvolver sua autonomia. É ali que ele "aprende a confiar no professor e a gostar do ambiente escolar".

Ela explica que, em classes com mais de 25 crianças, o professor pode se tornar autoritário para conseguir disciplina. "Isso pode transformar os alunos em crianças que só sabem seguir ordens -ou seja, que perdem a oportunidade de se tornarem autônomas- ou que as extrapolam."

O ideal, afirma a professora, seria que crianças de 3 a 4 anos ficassem em turmas de no máximo 18 alunos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário