24 de mar de 2010

FBI: Por que O Globo não avalia programa de investimentos de Serra?

Todo início de ano, O Globo faz um balanço (distorcido) do PAC. Porque será que não faz o mesmo com o programa de investimentos do Serra, que governa o estado mais rico da federação, com o segundo maior orçamento do país?

As minhas hipóteses:

1. Como O Globo está na linha de frente da Campanha Serra, é óbvio que ele faria balanços quadrimestrais, como faz a ministra Dilma, caso os números fossem favoráveis.

Os seguidos alagamentos na Capital, e no Estado de São Paulo, mostram uma enorme fragilidade na competência do Serra em executar obras estratégicas.

Logo, O Globo não faz o balanço do Serra porque tem certeza de que seria ruim para a campanha dele.

2. Os governos demo-tucanos, especialmente o do Serra, são avessos à transparência das informações, quanto à execução, e odeiam prestar contas à sociedade dos resultados e dos fracassos de seu governo.

Bastante diferente do Governo Lula que presta contas, a cada quatro meses, dos resultados positivos e dos fracassos do PAC. O que aliás O Globo e a Folha tentam aproveitar ao máximo para expor “a ineficiência do Governo Lula/Dilma”, simplesmente porque esse governo é incapaz de realizar 100% das metas estabelecidas por ele próprio.

Exemplo disso é a matéria de ontem ( clique aqui), assinada pela Regina Alvarez, em que é ressaltada a possibilidade do Governo Lula deixar de executar ou pagar R$ 35 bilhões, num total de R$ 638 bilhões.

O que dá apenas 5,5% de risco de inexecução financeira, ressalto eu.

Isso porque a Regina Alvarez, que sabe tudo de orçamento público, omite que uma obra pode estar concluída – que é o que interessa aos usuários – e ainda não estar paga.

O motivo é simples: há um intervalo entre a conclusão de parte de uma obra e o respectivo pagamento, de cerca de dois meses. É assim porque a legislação de contratação e pagamento de obras públicas exige um rito que leva esse tempo todo.

Portanto, é manipulação da informação trabalhar com os valores pagos e não com a execução física da obra, que é o que interessa.

Ainda assim, a matéria diz que há a possibilidade – com razoável grau de incerteza – de que apenas 5,5 % do PAC não seja realizado.

Esse resultado é para ser comemorado e, no entanto, O Globo faz um estardalhaço gigantesco porque há o risco do “incompetente” Governo Lula/Dilma não dar conta de tudo até o final de 2010!

3. O Governo Serra não tem um programa de investimentos, mas apenas uma lista de factóides e de privatizações.

O Serra tem algo semelhante para apresentar à sociedade, em relação ao seu programa de investimentos?

Se tiver, alguém precisa dizer onde está, porque não está disponível no Portal do Governo do Estado de São Paulo.

Uma coisa eu tenho certeza e já mostrei isso aqui neste blog. O PPA 2008-2011, do Governo Serra, previa os estudos e construção de um túnel submarino ligando Santos a Guarujá.

Depois de anunciar, em janeiro de 2009, que a obra iniciaria ainda naquele ano, o Serra mudou tudo e dois meses depois anunciou a mudança de túnel para ponte, com a complascência de toda a imprensa que compõe as Organizações Serra

Fonte: FBI (Festival de besteiras da Imprensa - 23.03.2010

Nenhum comentário:

Postar um comentário